É composta por t-shirts, polos, sweatshirts, casacos e um cap, num total de 11 produtos com ligação sempre óbvia ao motociclista. Vamos espreitar algumas destas peças e confidenciar qual é a nossa favorita – sem margem para dúvidas! A parceria que junta Salsa e Miguel Oliveira já está à venda e enquanto as lojas físicas não abrem… está tudo disponível online.

“O QUE HOJE É O LIMITE, AMANHÃ DEIXA DE O SER”

É com este mote que as duas marcas se juntam nesta aventura que mistura desporto e moda. Uma parceria que enaltece o ADN português de cada uma das partes que, para além disso, partilham a ideia de que os sonhos não têm limites!

OS SEUS SÍMBOLOS, À SUA MANEIRA

Cada vez que o ouvimos falar e correr percebemos: Miguel Oliveira não deixa nada em mãos alheias. E segundo a Salsa, isso aconteceu também no processo de criação desta nova colecção, uma “cápsula de alta rotação”. São os seus símbolos que o representam – o número 88, a estrela, o S. Miguel Arcanjo e a bandeira de xadrez – e o próprio teve um papel activo na sua aplicação em cada peça.

A NOSSA FAVORITA

Há várias peças nesta colecção que utilizaríamos com prazer em momentos de maior descontração e informalidade – são claramente peças desportivas, perfeitas para o de fim-de-semana e férias, em que o conforto está em primeiro plano mas a aparência não fica de todo esquecida. No entanto, temos claramente uma favorita, que usaríamos perfeitamente no dia-a-dia:

Há três pormenores que fazem com que adoremos este casaco: a tonalidade da ganga, não tão habitual como outras mais claras ou mais escuras; a gola com desenho muito próprio e que se pode usar em duas posições sem ser, em nenhuma delas, too much; e finalmente a disposição dos símbolos – estamos particularmente apaixonados pela estrela colocada na zona inferior do bolso direito, que grita “motociclismo”, e da gravação do nome e número do Miguel a laser no fundo das costas.

Esta colecção, que tem preços entre os 25 e 99 euros é de edição limitada e é muito provável que desapareça num ápice. Por isso, sejam a comprar como o Miguel é a correr: não percam tempo!