Como bons viciados que somos em tudo o que é desporto, aventuramo-nos a ver mais uma série documental sobre o tema. Esta Last Chance U: Basketball é uma variante da série original – que retrata uma parte do panorama universitário de futebol americano – e conquistou-nos desde cedo. Nela acompanhamos a equipa da Universidade comunitária de East Los Angeles, liderada pelo carismático coach Mosley, que tentará revitalizar a carreira de jovens talentos que, por um ou outro motivo, ficaram para já atrasados no seu sonho de jogar ao mais alto nível!

Todos conhecemos histórias assim, certo? De grandes talentos que acompanhámos enquanto jovens e que, por um conjunto de factores, não conseguiram singrar como acreditávamos que iam. Esta série retrata precisamente isso, dando-nos a conhecer a história de um treinador – John Mosley – que se dedica sobretudo a ajudar jovens que estão nessa posição e ainda dos mais carismáticos jogadores dos Huskies da Universade de East LA. E que apesar de todo o sucesso que lhes perspectivavam… ainda não conseguiram chegar lá!

AS PERSONAGENS

Logo no primeiro episódio vemos “tudo” sobre este treinador. Mosley é enérgico, exigente, ríspido mas também um amigo, daqueles que não desiste dos seus – mesmo que isso implique tomar decisões polémicas e com grande impacto social.

Acima de tudo, ama a sua família, o basquetebol e os seus jogadores. Ao ponto de, para além de treinar a equipa que tem impressionado tudo e todos, ter de leccionar muitas outras aulas semanalmente para poder continuar a viver o sonho.

Créditos: Elaine Chung

As outras três personagens que acabam por marcar mais esta temporada e, até agora, toda a série, são o capitão Deshaun Highler -- que pelo percurso recente de vida tem uma ligação muito especial ao treinador e é o equilíbrio da equipa -- o talentoso KJ Allen – que tem detalhes técnicos claramente ao nível da NBA – e o problemático Joe Hampton, que depois de uma boa experiência universitária deitou tudo a perder e se deixou levar pelo mundo da criminalidade… até ao dia em que se arrependeu e se juntou a esta equipa, para tentar regressar à sua melhor versão.

Deshaun Highler
KJ Allen
Joe Hampton

Acompanhar esta série e o percurso dos personagens é, mais do que entretenimento, quase um exercício de compaixão. Torcemos por eles do primeiro ao último minuto, nesta montanha russa que é o desporto de competição e… a vida.