O ESCÂNDALO DAS REDES SOCIAIS NA NETFLIX!

 

Estreia hoje o novo documentário da Netflix sobre o escândalo da “Cambridge Analytica”, envolvida nas campanhas a favor da eleição de Donald Trump e do Brexit. Que as redes sociais digitais têm uma grande relevância na vivência dos dias de hoje já ninguém tem dúvidas. Mas até que ponto podem influenciar o destino de um país e de várias gerações? Este “Nada é privado: O escândalo da Cambridge Analytica” vai ajudar a esclarecer-nos!

Às vezes ponho-me a pensar neste tema… Será que estamos conscientes daquilo que abdicamos quando temos presença nas redes sociais? Sabemos que tudo aquilo que lá fazemos (e até fora!!) é visto e analisado pelos próprios gestores das redes sociais e outras empresas? É claramente verdade, como se costuma dizer, que “o que vai para a Internet, nunca pode ser apagado”. Mas daí a haver manipulação dos nossos comportamentos e convicções com objectivos políticos e sociais… vai uma grande distância! Este caso veio provar que este tipo de situações existem meeesmo.

No fundo, a Cambridge Analytica era uma empresa (sim, entretanto com todo o escândalo acabou por fechar!!) de “consultoria política” que se dedicava à análise de dados para criação de estratégias de comunicação a favor dos seus clientes. Aquilo que faziam era analisar todos os passos das pessoas nas redes sociais – o Facebook é mesmo o maior exemplo – e fora delas a um nível de detalhe que chega a ser intimidante. Sabiam tudo aquilo que os utilizadores faziam! A campanha para eleição de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos da América e a favor do Brexit em Inglaterra foram os dois momentos que marcaram a história desta empresa… e dos respectivos países. Se já era grave que acções simples dos utilizadores nas redes sociais (como saber tudo aquilo em que cada pessoa colocava um “gosto” e simplesmente clicava, ou o que comprava online) fossem milimetricamente seguidas, pior ainda era o que faziam depois: percebendo os medos e as tendências políticas de cada um… criavam campanhas enganosas com o objectivo de favorecer o sentido de voto que mais lhes interessava – neste caso a favor das campanhas que os contratavam. A-ssus-ta-dor!!!

Este documentário, realizado por Karim Amer e Jehane Noujaim, tem praticamente duas horas e tem gerado muita curiosidade. Com ele os produtores e realizadores pretendem explicar-nos como é que foram e são, afinal, seguidos os nossos passos nas redes sociais e em outros momentos de “consumo online”. Focam-se na Cambridge Analytica e em como eles trabalhavam mas também numa pessoa em específico, que é apontada como a delatora de todo o escândalo, e que neste momento… teme pela vida.

Parece-me que é um daqueles documentários a não perder. Até porque na era da informação em massa… não saber o que fazem com a nossa é quase um crime 😉

JM.